29 de Abril de 2008

Migas de broa com grelos e feijão frade



Estas migas são típicas da minha terra (norte do Ribatejo). Aliás, nunca as vi servidas noutras regiões do País. Antigamente, serviam para matar a fome dos mais pobres que nem sempre podiam comer carne por falta de meios. Agora, por cá, seja nos restaurantes - dos mais simples ao mais requintados - ou em casa das pessoas de qualquer classe social, nunca faltam à mesa para acompanhar todo o tipo de pratos de carne ou de peixe (bacalhau, frango no churrasco, grelhados de carne, etc.). Costumam ser tradicionalmente confeccionadas com grelos ou nabiças, mas espinafres ou couve migada de caldo verde também servem. Pessoalmente, aprecio muito esta saborosa especialidade rústica.

Ingredientes para 3-4 pessoas

- 1 molho grande de grelos (ou de espinafres)
- 1/4 de broa de milho
- 300 g de feijão frade cozido
- azeite q.b.
- 3 dentes de alho picados finamente
- sal & pimenta

Preparação

Arranjar os grelos, removendo as folhas estragadas e os talos mais duros. Lavar e escorrer. Levar a cozer por 3-5 minutos em água a ferver temperada de sal. Escorrer, reservando um pouco da água de cozedura.

Picar grosseiramente os grelos com uma faca. Esfarelar a broa de milho. Reservar.

Colocar um pouco de azeite e os alhos picados numa caçarola ou numa frigideira. Aquecer sem deixar alourar o alho. Juntar os grelos picados e envolver.

Adicionar a broa de milho esfarelada e o feijão frade. Cozinhar sem parar de mexer delicadamente até ficar tudo bem quente e misturado, regando com um pouco da água de cozedura reservada e/ou azeite para não secar (todavia, as migas não devem ficar ensopadas). Temperar com sal e pimenta. Servir de imediato.

Broa de milho : Pão de milho português - Pimenta : Pimenta do reino - Nabiças : Ramas verdes de nabo - Grelos : Brotos verdes e floridos de nabo ou de couve - Molho : Maço

19 comentários:

  1. Adoro essas migas! Já comi iguais em Viseu, são óptimas! :)

    ResponderEliminar
  2. Gosto muito, muito, muito de migas, acho que era capaz de as comer sozinhas, sem ser a acompanhar nada =) Mas prefiro-as sem feijão!
    Obrigada pela receita, vou guardá-la porque apesar de adorar nunca as fiz em casa!

    Beijão *
    Mariana

    ResponderEliminar
  3. q aspecto maravilhoso....fiquei tentada....bjs

    ResponderEliminar
  4. Elvira adorei as tuas migas devem ser maravilhosas um beijo. Natércia...

    ResponderEliminar
  5. Há uns anos, em Aveiro, comi um peixe grelhado com um acompanhamento estranhíssimo que quer eu, quer o M. torcemos o nariz. Estavamos à espera da batatinha cozida, regada com azeite. Mas eis que provamos o tal acompanhamento e ficamos fãs! Estou a falar de umas migas iguaizinhas a estas, é claro. Nunca fiz em casa mas ele pediu uma vez à mãe. :o) Rica oportunidade para repetir esta maravilha! :o)

    Beijinhos

    P.S. Irei a Portugal em Junho mas ainda sem confirmação! :o) Tinha muito gosto de a conhecer também Elvira! Afinal sou sua fã desde o início das minhas bloguices! Ai, ai...que emoção... pfff

    ResponderEliminar
  6. Menina, essas "migas" devem dar uma texura especial ao feijão...

    ResponderEliminar
  7. Devem ser muito gostosas mesmo! Pena que não dá pra ir ali a feira da esquina e comprá-las. Esse mundão enorme às vezes é malvado né, tudo tão regional.
    Mas quem sabe um dia?!
    Kisss

    ResponderEliminar
  8. eu adoro migas... receita anotada :-) nao conhecia assim, mas só pelo aspecto quero comer um prato cheiinho :-)

    ResponderEliminar
  9. Aqui está a prova que não é só no Alentejo que se comem migas.
    :-)

    Bjs

    ResponderEliminar
  10. Eu nunca provei migas. O prato está com um aspecto mto saboroso!

    ResponderEliminar
  11. Elvira, que coincidência... este fim de semana, no casamento que estive em Coimbra, serviram destas migas para acompanhar espetadas de carne
    eu até comentei que eram umas migas estranhas, pois são bem diferentes das migas alentejanas.
    mas o que é certo é que eu as adorei.
    e agora venho encontrá-las de novo por aqui.

    ResponderEliminar
  12. Eu adoro migas de quase tudo!
    Ai, ou encontro broa por aqui brevemente ou vou ter de me dedicar primeiro ao fabrico da broa para depois fazer estas migas que me deixaram de água na boca (aqui é quase meio dia e a fome vai aparecendo...)
    Bjs

    ResponderEliminar
  13. Nunca comi! Aqui no brasil não é comum... Queria estar aí para experimentar! ;-)

    ResponderEliminar
  14. Fiquei com água na boca - belo prato! Bjs, e boa viagem! Aproveite bem...

    ResponderEliminar
  15. Olá Elvira!
    Costumo visitar o teu blog e ver as receitas.
    Quanto às migas, são óptimas!
    Aqui, na região centro, mais propriamente norte do distrito de Leiria, são um dos acompanhamentos tradicionais.
    Aqui há dias fiz este prato, mas utilizei almeirões em vez de grelos. Estavam uma delícia.
    Continua. Parabéns.
    Filomena
    http://avelar.blogs.sapo.pt

    ResponderEliminar
  16. Elvira,

    Comi esse prato na casa dos pais do Luis e fiquei encantada. Era exatamente assim, com feijao e verdura. Vou tentar reproduzir aqui na minha cozinha.

    beijao,

    ResponderEliminar
  17. Puxa vida... Entrar aqui (antes de almoçar) e me deparar com uma delícia dessas, é muita tentação!

    Que fome!!!

    ResponderEliminar

Tempere à gosto !