15 de Março de 2012

Costeletas de porco recheadas à espanhola


Quem disse que as costeletas de porco eram enfadonhas ? Há inúmeras maneiras de as cozinhar para as tornar mais atractivas. Panadas e assadas no forno, com um recheio de queijo e chourição, ficam deliciosas...

Ingredientes para 4 pessoas


  • 4 costeletas de porco - lombo - não muito finas*, com osso
  • sal & pimenta preta moída no momento
  • 4 fatias finas de chourição
  • 4 pedaços pequenos de queijo manchego - ou de outro queijo de ovelha curado à gosto
  • 1 prato de farinha
  • 1 prato de pão ralado
  • 1 colher (café) de tomilho seco
  • 2 ovos, batidos
  • 1 colher (sopa) de óleo
  • 1 colher (sopa) de manteiga
* aproximadamente 2 cm de espessura

Preparação

Pré-aquecer o forno a 175ºC.

Remover a gordura das costeletas. Com o auxílio de uma faca bem afiada, abrir uma bolsa na lateral de cada costeleta. Temperar com sal e pimenta.

Dispor os pedaços de queijo sobre as fatias de chourição. Dobrar as fatias de chourição de forma a manter o queijo no interior. Introduzir os pedaços de chourição com queijo nas bolsas das costeletas, com a parte dobrada virada para o exterior.

Passar as costeletas uma por uma na farinha e depois nos ovos batidos. Terminar com o pão ralado previamente misturado com o tomilho. Pressionar com a ponta dos dedos para que as costeletas fiquem integralmente panadas.

Aquecer o óleo juntamente com a manteiga numa frigideira anti-aderente, em lume médio. Adicionar as costeletas e dourar por 3-4 minutos de cada lado.

Transferir as costeletas para uma assadeira e regar estas com a gordura da frigideira. Levar ao forno - a 175ºC - durante 30-35 minutos, virando as costeletas duas vezes durante a cozedura.

Retirar as costeletas do forno e servir de seguida, acompanhando com salada de folhas e batatinhas na caçarola, por exemplo.

Costeleta : Bisteca - Pimenta : Pimenta do reino - Chourição : Lingüiça portuguesa - ou espanhola - de largo diâmetro - Pão ralado : Farinha de rosca - Panado : Empanado

10 comentários:

  1. Elvira!
    Adoro suas receitas e suas fotos!
    Esta carne não tem como não ser deliciosa!
    Beijos

    ResponderEliminar
  2. Que óptimo aspecto! Uma receita ideal para experimentar este fim-de-semana :)

    ResponderEliminar
  3. ¡Qué ricos! Te han quedado con un aspecto delicioso.

    Saludos

    ResponderEliminar
  4. podem ser à espanhola mas foi uma portuguesita linda que as preparou.. :-)
    tens razão, as costoletas não precisam ser enfadonhas, é só buscar novas formas de as cozinhar, e esta é uma forma perfeita.
    beijocas grandes

    ResponderEliminar
  5. Olá Elvira,
    É bem verdade, as costeletas são tão versáteis, há sempre uma nova maneira de as preparar...
    Esta tua sugestão ficou excelente, gostei muito! Tenho de experimentar :)
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  6. excelente combinação, já estou cheia de fome! vou levar a receita :)
    *bjinhos*

    ResponderEliminar
  7. hummm adorei o teu pratinho que esta 5* parabens bjs

    ResponderEliminar
  8. Que receitas deliciosas!
    Adorei conhecer o blog.

    bj
    http://ladyaofogao.blogspot.com

    ResponderEliminar
  9. Gosto!! E muito!!! Um Altano Vinhas Próprias cairia mesmo bem... uma opção a fazer cá em casa logo, logo... Obrigada :)

    http://copodesaltoalto.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  10. I made these and they were delicious- muito obrigada!!

    ResponderEliminar

Tempere à gosto !