3 de Abril de 2009

Abrótea assada à Calhoca


A abrótea é um peixe muito comum e apreciado nos Açores, ao ponto que lhe põem por cá o nome de "galinha do mar", pois a sua carne firme e branca presta-se a quase todo o tipo de preparações culinárias. Abrótea fica bem em sopas, em caldeiradas, frita, grelhada, cozida e - claro, assada, como na saborosa receita que segue, típica da ilha Terceira...

Ingredientes para 6 pessoas

- 12 postas de abrótea
- 1 cebola picada finamente
- 2 dentes de alho picados finamente
- 1 folha de louro
- 1 colher (chá) de pimenta da Jamaica em grãos
- 1 ramo de salsa
- sal & pimenta moída no momento
- 2 tomates cortados em cubos pequenos (ou 2-3 colheradas de polpa de tomate)
- 1/2 pimento vermelho cortado em cubos pequenos
- 1/2 pimento verde cortado em cubos pequenos
- vinho branco seco
- água
- 1 colher (sopa) de manteiga
- azeite
- 1 pitada de cominhos moídos


Preparação

Pré-aquecer o forno a 200ºC.

Colocar as postas de peixe num tabuleiro. Juntar a cebola picada, os alhos, a folha de louro, os grãos de pimenta da Jamaica, os tomates e os pimentos. Polvilhar com a salsa previamente picada.

Temperar com sal, pimenta e os cominhos. Regar com vinho e água em quantidades suficientes, sem chegar a cobrir o peixe (2/3 de vinho e 1/3 de água).

Distribuir a manteiga previamente cortada em pedacinhos e regar com um fio de azeite.

Levar ao forno por 20-25 minutos, a 200ºC, ou até o líquido de cozedura borbulhar e a cebola alourar. Verificar a cozedura do peixe, descolando ligeiramente a carne da espinha com a ponta de uma faca.

Retirar o tabuleiro do forno e servir de seguida. Acompanhar com batatas ou arroz.

Fonte : receita adaptada do livro Cozinha Tradicional da Ilha Terceira, de Augusto Gomes (Ed. Tabacaria Angra)

Ramo : Maço - Pimenta : Pimenta do reino - Pimento : Pimentão

10 comentários:

  1. A foto do tabuleiro está um colírio para os olhos.
    :)

    ResponderEliminar
  2. Fiquei muito curiosa para provar esta abrótea. Adoro peixes e com certeza iria gostar muito!Bjs

    ResponderEliminar
  3. Assim até acho que vou gostar da abrótea...
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Aqui no Brasil, eu acho que não temos esse peixe chamado de abrótea, mais vou fazer com outro tipo de peixe, não sei se vai ficar tão bom quanto o seu!

    ResponderEliminar
  5. Elvira, o que é Calhoca? E ainda bem que descobri o que é Abrótea pois o título deste post é quase um enigma! rsrs
    Belas fotos e pimenta da jamaica é típica da Terceira ?
    Abs.

    ResponderEliminar
  6. Excelente para estes em que, por religiosidade ou tradição, a gente come bastante peixe.
    Abraço

    ResponderEliminar
  7. Caro Eduardo (Eduluz), sim, a pimenta da Jamaica é um tempero típico dos Açores. Quanto à palavra "Calhoca", acho que é o nome de um restaurante aqui da ilha.

    Bjs.

    ResponderEliminar
  8. Aqui em Porto Alegre-RS, a abrotea é comum nos supermercados. Usamos com o acento no "é", abrotéa. Mas, pronúncias à parte, é um filé muito gostoso.

    ResponderEliminar
  9. ola Elvira :)
    Explique-me uma coisa por que "Calhoca"?
    Tem alguma relação com esse nome?

    Fico a espera da sua resposta
    bjs

    ResponderEliminar

Tempere à gosto !