27 de março de 2009

Almôndegas de peixe à açoriana



Existem várias receitas açorianas para confeccionar almôndegas de peixe, mas esta destina-se mais especificamente à reciclagem de sobras de peixe cozinhado. Estas almôndegas ficam com uma consistência fofa por dentro e estaladiça por fora, comparável a dos croquetes de peixe. Quanto ao sabor - conferido pelas especiarias típicas dos Açores, é simplesmente delicioso...

Ingredientes para 2 pessoas (+/- 12 unidades)

- 1 posta grande de peixe cozinhado
- 1 colher (café) de massa de malagueta*
- 1 boa pitada de pimenta da Jamaica moída
- 1 fio de vinagre
- 1 pitada de açafrão em pó
- sal
- 1 colher (sopa) de manteiga
- 2 colheres (sopa) rasas de amido de milho (Maisena)
- 250 ml de leite
- noz-moscada moída
- 1 gema de ovo grande
- pão ralado q.b.
- óleo vegetal q.b.

* ou 1 pitada de malagueta seca moída

Preparação

Limpar o peixe de peles e espinhas; desfiar a carne. Temperar com a massa de malagueta, a pimenta da Jamaica, o vinagre, o açafrão e sal à gosto. Esmagar tudo muito bem até formar uma espécie de pasta. Reservar.

Derreter a manteiga num tacho pequeno e anti-aderente. Polvilhar com o amido de milho. Mexer constantemente até o amido de milho ficar aglomerado com a manteiga.

Juntar o leite aos poucos sem parar de mexer até ferver. Temperar com sal e a noz-moscada. Mexer constantemente até a massa começar a ficar elástica e a descolar do tacho. Retirar o tacho do lume e deixar amornar um pouco. Incorporar o preparado de peixe à massa e deixar arrefecer num tabuleiro.

Untar as mãos com um pouco de óleo e moldar bolinhas do tamanho de nozes. Passar as almôndegas pela gema previamente batida e pelo pão ralado. Colocar as almôndegas num prato, com algum espaço entre elas. Reservar durante pelo menos 30 minutos no frigorífico.

Aquecer um pouco de óleo em lume médio numa frigideira e juntar as almôndegas. Cozinhar até as almôndegas se apresentarem bem douradas de todos os lados. Escorrer sobre papel absorvente e servir de seguida, com azeitonas e arroz de tomate.

Fonte : receita adaptada do livro O Peixe na Cozinha Açoriana, de Augusto Gomes.

Pão ralado : Farinha de rosca - Arrefecer : Esfriar - Descolar : Desgrudar - Frigorífico : Geladeira

13 comentários:

  1. que encanto!
    adoro quando aparecem receitas deliciosas que servem para reciclar! =)

    beijos!

    ResponderEliminar
  2. Nunca tinha visto e muito menos comido almôndegas de peixe, mas depois de ver a sua receita estou cheia de curiosidade em experimentar pois só tem coisinhas boas. Realmente no seu blog estamos sempre a aprender coisas novas e deliciosas. Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Olá! É possível levar ao forno, ao invés de fritar!!

    ResponderEliminar
  4. Que preparo diferente! Devem ser deliciosas, com todas essas especiarias.

    ResponderEliminar
  5. Sim, Rosa, se for do seu agrado pode assar as almôndegas em vez de as fritar. Mas pessoalmente, não acho jeito nenhum aos rissóis, croquetes, etc. assados. Além do mais, esta é uma receita tradicional; acho pena desnaturá-la. Não como fritos com frequência, no entanto, quando é mesmo para fritar, frito (e no entanto, estas almôndegas não precisam de mergulhar em óleo quente; basta um fundo de óleo que não ultrapasse a temperatura de 175ºC). Também não sou obcecada por dietas e afins, senão não teria um blog de culinária sequer...

    ResponderEliminar
  6. Essas almôndegas ficaram com um óptimo aspecto e quer sejam fritas ou preparadas no forno creio que devem ficar deliciosas! Beijinhos!

    ResponderEliminar
  7. Mais uma receita com peixe anotada!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Olá Elvira, tenho uma posta de peixe cozido e esta receita veio mesmo a calhar...
    A pasta de malagueta não é muito picante? Provavelmente os meus príncipes não vão gostar. Posso substituir por outro ingrediente?

    ResponderEliminar
  9. Sandra F., experimente substituir por massa de pimentão. Fica com um sabor parecido, só que menos picante para as crianças. :-)

    Bjs.

    ResponderEliminar
  10. Já fiz com sobras de peixe, mas com temperos diferentes. Esta é muito boa (parece) :)

    ResponderEliminar
  11. Hummm... parecem-me delicosas... e como aqui por casa não somos grandes apreciadores de peixe... parece-me uma forma de fazer que deverá nos agradar! :)

    ResponderEliminar
  12. elvira estao tao bonitas deve de ser uma delicia esta recieta.
    bom fim de smena

    ResponderEliminar

Tempere à gosto !