3 de setembro de 2007

Cancoillotte



A cancoillotte, uma especialidade francesa que encontramos principalmente na gastronomia da região de Franche-Comté (onde nasceu o meu marido), mas também na região de Lorraine e no Luxemburgo fronteiriço, é um queijo magro com menos de 10% de gordura obtido à partir das réstias do leite de vaca gordo usado para a confecção do famoso queijo comté. Os pequenos grumos de leite desnatado - chamados de mettons, são derretidos em água e/ou leite e manteiga para o fabrico da cancoillotte. Também existe cancoillotte aromatizada com alho (a minha favorita) ou com vinho branco. Apresenta-se como um queijo fundido de cor amarela clara, de consistência densa, sabor suave e aroma delicado. Fria, a cancoillotte é muito boa para barrar pão. Aquecida, fica deliciosa sobre batatas cozidas para acompanhar salsichas frescas, fumados ou qualquer outro tipo de charcutarias. Também se presta muito bem a usos culinários em gratinados, quiches, tartes salgadas ou massas, por exemplo.

O meu marido e eu somos fãs desta especialidade saborosa e saudável. De cada vez que as pessoas amigas de França nos perguntam o que queremos que nos tragam de lá, respondemos sempre em coro: "Cancoillotte!" E não é que encontramos cancoillotte - natural e com alho - à venda no hipermercado Carrefour de Torres Novas...?! Maravilha! Também lá vimos queijo comté. Se ficaram curiosos e desejarem testar, já sabem: é só dirigirem-se até à loja Carrefour mais próxima.

10 comentários:

  1. bon j'ai rien compris ou très peu(carrefour facile ;o) mais j'adore mon grand-père nous faisait des ptits bouts de pain avec plein de fromage dessus ça dégoulinait sur les doigts je mangeais ça sur ses genoux... merci Elvira

    ResponderEliminar
  2. Já tinha lhe visto comentar em outros blogs que freqüento,mas esta é a minha primeira visita ao seu blog,que achei maravilhoso.Além de ter muito carinho pelo seu pais,principalmente por Cascais lugar que meus pais moraram durante 10 anos.

    ResponderEliminar
  3. elvira sempre aprendendo com vc! que belezura deve ser esse queijo, nunca ouvi falar, uma pena sermos privados desses produtos tão interessantes que vcs dispõe. bjos!

    ResponderEliminar
  4. Elvira, adoro o teu blog. O Carrefour é um maná de produtos franceses maravilhosos, pena é que foi comprado pelo Grupo Continente e as cidras, os queijos, os couscous aromatizados, e outros que tais irão certamente acabar. Parabéns pelas receitas e obrigada por animar os meus dias culinários!

    ResponderEliminar
  5. Elvira, tem um carrefour aqui pertinho de casa, mas realmente não sei se teria este produto. Já fui conferir o site deles, muito lindo! Bjs!

    ResponderEliminar
  6. O Carrefour mais próximo de minha casa é o de Torres Novas, cidade onde nasci. Mesmo assim fica fora do perimetro das compras, mas quando lá passar vou á procura sem falta.

    ResponderEliminar
  7. Elvira, eu sou louca por queijos e vou ficar de olho nesse. Nunca se sabe... posso ter sorte! Aqui nao tem Carrefour, mas tem Corti Brothers! ;-) um beijo,

    ResponderEliminar
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  9. Vou ficar muito atenta quando foi da próxima vez ao Carrefour. O pior é que o daqui de Gaia fechou, e só espero que tenham deixado este queijo por lá. Ficou a ideia das suas utilizações. Beijinhos.

    ResponderEliminar

Tempere à gosto !